Programação Pré-Congresso

Data: 10 de outubro de 2018
Local: UTP – Universidade Tuiuti do Paraná – Campus Barigui

Minicurso – 1
Comissão de Ensino
Avaliação de competências e habilidades:
Mini-CEX/OSPE/OSCE

Na avaliação baseada em competências para a formação em Fonoaudiologia, podem ser adotados instrumentos avaliativos como provas de habilidades de simulação de baixa ou alta fidelidade, além de avaliação de situações reais. Neste minicurso serão enfatizados Mini-CEX (Mini-Clinical Evaluation Exercise), OSPE (Objective Structured Practical Examination), OSCE (Objetctive Structured Clinical Examination).
Eliana Amaral
Viviane de Castro Araújo
Minicurso – 2
Motricidade Orofacial
Desafios fonoaudiológicos
no tratamento da Paralisia Facial

A expressão facial tem impacto na comunicação social e permite exprimir sentimentos. Na paralisia facial, os movimentos faciais alterados têm repercussão emocional, na fala e na oclusão labial, favorecendo escape de líquidos/alimentos e estase no vestíbulo do lado paralisado; pode ocorrer engasgo e dificuldade na deglutição de sólidos. Ao fonoaudiólogo cabe reabilitar as funções orofaciais e a expressividade facial para melhoria da qualidade de vida.
Adriana Tessitore
Minicurso – 3
Audição e Equilíbrio
Intervenção fonoaudiológica nos
transtornos de Processamento Auditivo

Este minicurso tem como objetivo apresentar um programa de intervenção para o TPAC que engloba tanto os aspectos relacionados ao tratamento do distúrbio - centrado na melhora dos mecanismos bottom up e top down envolvidos nos processos fisiológicos inerentes à percepção auditiva e ao controle executivo relacionado aos aspectos de atenção e memória auditiva – como também ao gerenciamento do transtorno, que envolve o uso de estratégias metalinguísticas e metacognitivas como formas de adequar e monitorar a situação de comunicação, uso de estratégias compensatórias e meios formais para controle ambiental e aumento da clareza do sinal acústico. Serão apresentadas sugestões de estímulos e tarefas que podem ser utilizadas na clínica fonoaudiológica, em casa e na escola para a reabilitação das habilidades auditivas centrais de localização sonora, figura-fundo auditiva, fechamento auditivo, integração binaural, ordenação e resolução temporal. O conteúdo do minicurso tem como fonte extensa pesquisa bibliográfica em bases nacionais e internacionais e o modelo de intervenção sugerido segue as diretrizes das Academias e Sociedades de Audiologia e da OMS, apresentando propostas com base em evidências científicas publicadas em periódicos de impacto na área de Audiologia.
Mariana Cardoso Guedes
Minicurso – 4
Fonoaudiologia Educacional
Práticas fonoaudiológicas na educação:
desafios da atuação na alfabetização
O curso abordará o processo de alfabetização, pois, em média, 60% das crianças que chegam ao final do 3º ano do ensino fundamental apresentam níveis insuficientes de aprendizagem em leitura e escrita. Esse processo de aprender a ler e escrever envolve o desenvolvimento de competências linguísticas e cognitivas, campo de atuação do fonoaudiólogo.
Jaime Luiz Zorzi
Minicurso – 5
Disfagia
Otimizando o uso da Videofluoroscopia da Deglutição em Disfagia Orofaríngea – Diagnostico, terapia e retroalimentação
A videofluoroscopia da deglutição é considerada o padrão ouro para avaliação da deglutição. Iniciada em final da década de 70, teve seu primeiro manual publicado pela Dra. Jerilyn Logemann, fonoaudióloga americana, em 1983. Desde então vários estudos utilizando essa técnica tem sido publicados, incluindo importantes temas como validação de protocolos clínicos e verificação da eficiência e eficácia terapêutica. Nesse curso iremos abordar as várias formas de interpretação do exame, incluindo sua subjetividade e analisaremos a interpretação descritiva, a análise de medidas qualitativas e quantitativas. A videofluoroscopia da deglutição além do papel importante como exame complementar a avaliação clínica deve ser um instrumento de feed.
Ana Maria Furkim
Minicurso – 6
Linguagem
Prática fonoaudiológica nos
Distúrbios do Espectro do Autismo

Serão abordados aspectos práticos da atuação do fonoaudiólogo no DEA (Distúrbio do Espectro do Autismo). O diagnóstico possibilitará o delineamento das habilidades e dificuldades de crianças diagnosticadas com DEA, que funcionará como alicerce para a proposição do processo de intervenção por meio da proposta: "Comunicação Funcional Natural”.
Fernanda Dreux Miranda Fernandes
Minicurso – 7
Saúde Coletiva
Saúde do Trabalhador Como Direito:
a prática dos programas de preservação
auditiva para além das fábricas

Programas de preservação auditiva que consigam promover a melhoria das condições de trabalho e da saúde dos trabalhadores são fundamentais e não podem ser privilégio daqueles que atuam na indústria. Serão apresentadas e discutidas atividades práticas para sua realização. A abordagem adotada pelos fonoaudiólogos é essencial para um programa bem-sucedido.
Cláudia Giglio de Oliveira Gonçalves
Minicurso – 8
Voz
Competência comunicativa e desenvolvimento
humano: comunicar bem para liderar
sua carreira e sua vida

O objetivo do nosso minicurso é apresentarmos questões e conclusões a respeito da aplicação de uma comunicação efetiva nos processos de liderança, e discutirmos as implicações dos achados das pesquisas na nossa prática clínica, em busca da melhor maneira de abordarmos os recursos para o alcance dessa competência tão valorizada.
Leny Kyrillos

 

UTP – Universidade Tuiuti do Paraná – Campus Barigui
Rua Sydnei Antonio Rangel Santos, 238 - Santo Inacio - Curitiba – PR
Telefone: (41) 3331-7700